Quem passou, pelo menos, alguns minutos na Internet, nas últimas semanas, com certeza se deparou com vários amigos surtando por causa da exposição do Castelo Rá-Tim-Bum no Museu da Imagem e do Som, em São Paulo. É que, em 2014, a série infanto-juvenil da TV Cultura comemora 20 anos e, é claro, não poderia deixar de ser em grande estilo!

Na exposição do MIS, os visitantes poderão ter contato com figurinos usados pelos personagens da atração, além de conhecer alguns bonecos, como o Gato Pintado. Os cenários do castelo mais famoso da TV também foram recriados e a experiência no MIS pode ser como entrar em um grande sonho. Assim sendo, é de se imaginar que os ingressos, a preços populares, estão disputadíssimos (foram mais de 10 mil visitantes só na primeira semana) e o museu precisou ampliar o horário de funcionamento da exposição, que fica aberta até outubro – todas as informações estão no site do MIS.

E como a gente também queria entrar no clima dos vinte anos do Castelo, a Revista Pixel TV decidiu conversar com os atores que fizeram parte do seriado mais amado da telinha! Como a equipe da revista é formada majoritariamente por meninas, a gente quis logo começar com a Cinthya Rachel, hoje com 34 anos, que interpretava a Biba – a simpática e inteligente amiga de Pedro, Zequinha e Nino. Desde o fim das gravações da série, em 1997, ela já fez de tudo um pouco: apresentou diversos programas, tem um blog de beleza, é dona de um ateliê de bijuterias, dá dicas de maquiagem no Youtube, e até escreveu livros infantis! Confira nosso bate-papo com a atriz!

Revista Pixel TV: Você atua, escreve, apresenta, dentre muitas outras coisas. Uma coisa que me chamou a atenção é que você escreve e fala com muita paixão. De onde vem toda essa inspiração e energia?

Cintyha Rachel: Não sei (risos). Acredito que eu faço o que gosto, então isso ajuda bastante, mas não se engane, eu adoro uma preguicinha (mais risos). Mas eu realmente amo escrever!

RPTV: No seu blog, assuntos como Moda e Beleza são constantemente abordados. Mas ao contrário de muitas blogueiras – que vivem em um mundo totalmente “glamourizado” -, você faz posts mais reais, “gente como a gente”. Ter crescido na mídia, vivendo sob os padrões impostos por ela, te ajudou nessa formação?

CR: Eu falo do que eu sou, não sei mentir, não acordo maquiada, uso com o mesmo prazer um sapato de 40 reais da feirinha e um que custe 10 vezes isso. Como com a mesma alegria um PF (prato feito) do bom e no restaurante francês. Isso é muito importante para mim, sim, ser quem se é de verdade. As pessoas com o tempo percebem se você está mentindo e tentando fingir algo que não é.

RPTV: Você começou a carreira de atriz muito nova. Sempre soube que queria trabalhar na televisão? Houve crise em algum momento?

CR: Crise temos todos os dias (risos). Comecei como uma brincadeira que depois virou trabalho. Foi muito sem querer, as coisas foram acontecendo. É um meio muito difícil, tem dias que você ama, e outros que pensa em desistir. É normal, acho que várias pessoas que trabalham em diversas áreas também devem se sentir assim.

RPTV: As pessoas ainda te reconhecem como a Biba do Castelo nas ruas? Incomoda de alguma forma?

CR: Reconhecem todos os dias, foi um programa muito marcante, fazer parte da infância das pessoas é algo poderoso. Não me incomoda de modo algum.

castelo

RPTV: Como era gravar Castelo Rá-Tim-Bum? Você ainda tem contato com os atores?

CR: O que mais me lembro era do clima maravilhoso, de como a gente se dava muito bem! Mas era um trabalho pesado, diário e intenso… Sim, tenho vários deles no facebook (risos).

RPTV: O Castelo mexia muito com a imaginação das crianças. Qual era seu personagem preferido (além da Biba, claro)? E dentre os cenários, qual era o mais legal?

CR: Nossa, nunca parei pra pensar em personagem favorito… Talvez o Gato Pintado, porque ele morava na biblioteca! Os cenários mais legais eram o quarto do Nino, a cozinha e a oficina do Dr. Victor!

cozinha

RPTV: Como foi o término do programa? O fato de você ser ainda adolescente na época tornou a experiência mais fácil?

CR: Na verdade, foi um projeto que tinha data para terminar, então apesar de triste, pois todo mundo se dava bem, já era o esperado. Sei que quem vê de fora imagina uma grande comoção, mas a gente nem fazia ideia do sucesso que o programa ia se tornar quando as gravações terminaram.

RPTV: O Castelo faz 20 anos em 2014 e muitas homenagens estão sendo feitas, como a exposição no MIS. Como está sendo para você? Vai participar de alguma delas ou pretende visitar?

CR: Com certeza, vou visitar a exposição!

RPTV: Depois do Castelo, você se dedicou mais a ser repórter e apresentadora de TV. Atuaria em novelas ou séries novamente? O trabalho no Castelo ajudou ou atrapalhou sua carreira ao longo dos anos?

CR: Os dois! Ajuda, pois você se torna conhecida e te chamam pra outros trabalhos, e atrapalha, pois acham que você ainda tem 12 anos e é criança (risos).

RPTV: Você escreve livros infantis, “A Garota Que Queria Mudar o Mundo” foi lançado no ano passado. Já pensou em unir TV e crianças novamente? De repente, escrever uma série infantil…

CR: Já pensei sim, adoro escrever, seria maravilhoso.

RPTV: Quais os seus planos e sonhos para o futuro?

CR: Não tenho, não gosto de criar expectativas. Vamos deixar as coisas acontecerem.

RPTV: Você é uma telespectadora assídua? Quais são seus programas preferidos na TV atualmente?

CR: Não tenho aparelho de TV, há! Acabei de mudar, comprei tudo novo e estou adiando até agora a compra da TV. Assisto Netflix, seriados e filmes no computador.

Gostou? Na próxima edição da Revista Pixel TV, tem mais Castelo Rá-Tim-Bum! Aguarde… 😉

#

EXPOSIÇÃO NO MIS:

Endereço: Museu da Imagem e do Som (MIS)
Avenida Europa, 158 – Jardim Europa
Telefone: (11) 2117-4777
Funcionamento: (de 16 de julho a 12 de outubro)
Segunda a sexta: das 10 h às 21h
Sábado: das 9h às 23h
Domingos e feriados: das 9h às 20h
Preços: 10 reais (inteira) e 5 reais (meia-entrada)

*Fotos: Museu da Imagem e do Som