Se você gosta de séries como Love, Fuller House, Gilmore Girls, Downton Abbey, Bloodline e outros enredos verossímeis sobre dramas ou comédias familiares, talvez ache que Preacher não é pra você. Por outro lado, se você se aventura em séries como Supernatural, Vampire Diaries, Arrow, The Walking Dead e Jessica Jones, talvez ame Preacher! Há ainda uma terceira opção: se você navega por séries de diferentes gêneros e adora conhecer coisas novas, está na hora de descobrir a novidade lançada pelo canal norte-americano AMC.

Vamos começar por um resumo do enredo: no episódio piloto, estranhos eventos passam a ocorrer em templos religiosos de diferentes lugares do mundo. Na África, um pastor explode diante dos fiéis durante um culto. O mesmo acontece na Rússia e, pouco depois, é o próprio Tom Cruise quem explode dentro de seu templo de Cientologia.

1

Paralelo a isso, conhecemos o pastor frustrado Jesse Custer. Com a pouca adesão dos texanos à sua Igreja e a aparente ineficiência de seus sermões, Jesse está a ponto de desistir da vida religiosa. Porém, uma entidade misteriosa de nome Gênesis o possui e altera alguns de seus planos.

É a partir daí que Jesse passa a ser perseguido por forças sobrenaturais. Em meio a isso, estranhos personagens surgem, como o vampiro irlandês Cassidy e uma mulher cheia de mistérios chamada Tulip O’Hare, ex-namorada de Jesse.

A série foi criada por Seth Rogen e Evan Goldberg (Pineapple Express e The Interview).  Entre os atores, destaco o protagonista – Dominic Cooper é inglês e trabalhou em filmes como Capitão América: o primeiro vingador, Sete dias com Marylin Drácula: A história nunca contada.

Um dado importante: a série televisiva é baseada em histórias em quadrinhos homônimas, lançadas entre 1995 e 2000 pelo selo Vertigo da DC Comics. A criação foi do roteirista Garth Ennis e do desenhista Steve Dillon.

Se você não conhece as HQ’s, assistir Preacher é um exercício de deixar os preconceitos de lado e se envolver na história. O enredo pode parecer um pouco confuso de início, mas aos poucos as coisas passam a se encaixar. O primeiro episódio trouxe inúmeras mortes bizarras, cenas de violência, sangue espirrando ali e acolá, e um vampiro atacando uma vaca #ficaadica. Tudo isso se mescla aos diálogos religiosos de Jesse, que tenta compreender o significado de Deus. Fato é que a história de Preacher nos quadrinhos fez sucesso e a série, se conseguir emplacar seu roteiro, pode agradar bastante.

E então, ficou com vontade de assistir ou quer fugir de Preacher?

 

 

Se você gosta de séries como Love, Fuller House, Gilmore Girls, Downton Abbey, Bloodline e outros enredos verossímeis sobre dramas ou comédias familiares, talvez ache que Preacher não é pra você. Por outro lado, se você se aventura em séries como Supernatural, Vampire Diaries, Arrow, The Walking Dead e Jessica Jones, talvez ame Preacher! Há ainda uma terceira opção: se você navega por séries de diferentes gêneros e adora conhecer coisas novas, está na hora de descobrir a novidade lançada pelo canal norte-americano AMC. Vamos começar por um resumo do enredo: no episódio piloto, estranhos eventos passam a ocorrer em templos religiosos de diferentes lugares do mundo. Na África, um pastor explode diante dos fiéis durante um culto. O mesmo acontece na Rússia e, pouco depois, é o próprio Tom Cruise quem explode dentro de seu templo de Cientologia. Paralelo a isso, conhecemos o pastor frustrado Jesse Custer. Com a pouca adesão dos texanos à sua Igreja e a aparente ineficiência de seus sermões, Jesse está a ponto de desistir da vida religiosa. Porém, uma entidade misteriosa de nome Gênesis o possui e altera alguns de seus planos. É a partir daí que Jesse passa a ser perseguido por forças sobrenaturais. Em meio a isso, estranhos personagens surgem, como o vampiro irlandês Cassidy e uma mulher cheia de mistérios chamada Tulip O’Hare, ex-namorada de Jesse. A série foi criada por Seth Rogen e Evan Goldberg (Pineapple Express e The Interview).  Entre os atores, destaco o protagonista - Dominic Cooper é inglês e trabalhou em filmes como Capitão América: o primeiro vingador, Sete dias com Marylin e Drácula: A história nunca contada. Um dado importante: a série televisiva é baseada em histórias em quadrinhos homônimas, lançadas entre 1995 e 2000 pelo selo Vertigo da DC Comics. A criação foi do roteirista Garth Ennis e do desenhista Steve Dillon. Se você não conhece as HQ's, assistir Preacher é um exercício de deixar os preconceitos de lado e se envolver na história. O enredo pode parecer um pouco confuso de início, mas aos poucos as coisas passam a se encaixar. O primeiro episódio trouxe inúmeras mortes bizarras, cenas de violência, sangue espirrando ali e acolá, e um vampiro atacando uma vaca #ficaadica. Tudo isso se mescla aos diálogos religiosos de Jesse, que tenta compreender o significado de Deus. Fato é que a história de Preacher nos quadrinhos fez sucesso e a série, se conseguir emplacar seu roteiro, pode agradar bastante. E então, ficou com vontade de assistir ou quer fugir de Preacher? https://www.youtube.com/watch?v=UNgI2sRzr8I    [taq_review]

Carimbo da Pixel

Elenco
Roteiro
Direção

Bizarra

Série baseada em HQ homônima pode causar estranhamento, mas história é promissora.

User Rating: Be the first one !
78